Ex-empresário de Cristiano Araújo é morto a tiros no Rio de Janeiro

Didi Latino e Cristiano AraújoDidi Latino e Cristiano Araújo (Foto: Reprodução)

Morreu na madrugada desta quarta-feira (24), o ex-empresário do sertanejo Cristiano Araújo, D'Stefany Vaquero Lima, de 32 anos, mais conhecido como Didi Latino. O empresário havia sido levado ao hospital Victor de Souza Breves, em Mangaratiba, no Rio de Janeiro, após ter sido encontrado baleado e caminhando ainda com as roupas sujas de sangue pela Rodovia Rio-Santos.

Ele teria levado quatro tiros. Os PMs do 33º BPM (Angra dos Reis), que encontraram D'Stefany, falaram que no momento ele falava coisas deconexas e não soube explicar realmente o que aconteceu, porém o crime já está sendo investigado pela 165ª DP (Mangaratiba).

Vale lembrar que há menos de dois anos Cristiano Araújo também veio a falecer. Nas redes sociais os fãs do cantor manifestaram apoio ao ex-empresário. A dupla Humberto e Ronaldo, que também foram gerenciados por Didi Latino, publicaram uma foto para se despedir do amigo. 

"8 anos atrás começava uma amizade, uma história, dois sonhadores, que nunca desistiram. A vida nos levou a caminhos diferentes, mas nunca distantes. Difícil saber o que falar essa hora. Que Deus te receba de braços abertos irmão. Descanse em paz!".

Curta a fanpage do Fofoca.TV no Facebook e receba notícias dos famosos

Estamos também no Google Plus + Curta nossa Pagina