Pisou no prato que comeu? Miley Cyrus diz que largou hip-hop por ser vulgar

Miley Cyrus Miley Cyrus (Foto: Reprodução/Internet)

Miley Cyrus há poucos dias deu uma entrevista à revista Billboard onde anunciou seu esperado retorno à música, desta vez, mais simples, e digamos... normal. Em uma nova fase country, a cantora até que está tentando se afastar das polêmicas, mas as declarações ditas durante a entrevista continuam rendendo. E como!

Uma dessas declarações, por exemplo, e a que mais tem causado críticas, foi quando a moça disse ter vergonha de seu passado, ao afirmar que se frustou muito com o movimento hip hop. “Eu amo a música nova do Kendrick (Humble), que diz: ‘Me mostre algo natural como bundas com estrias’. Eu amo isso, porque não é, ‘venha sentar no meu p**, chupe a minha p***’. Não consigo mais ouvir isso”, declarou Miley, que fez parcerias com rappers em um passado não tão distante.

E é exatamente por isso, muita gente anda criticando a americana e dizendo que ela está cuspindo no prato que comeu, como se tivesse gostado de hip hop apenas quando o gênero foi interessante para ela e para a sua carreira.

Outro fato que muitos levantam é que Miley, por ser uma cantora branca, se apoderou do gênero musical, que vem de uma cultura essencialmente afro, e depois fez como se isso nunca tivesse acontecido.

Miley, no entanto, fez questão de responder às críticas e afirmou que a única coisa que a incomoda no hip-hop são algumas letras machistas.

“Conforme fui ficando mais velha, fui percebendo o efeito que a música tem sobre o mundo. Vendo onde nós estamos hoje, eu sinto que a nova geração precisa ouvir músicas com letras positivas e fortes”, explica Miley, que ainda completa dizendo que continua respeitando o rap e todos os gêneros musicais: “Infelizmente, muitas publicações gostam de focar apenas nas partes mais sensacionalistas de uma entrevista“.

Curta a fanpage do Fofoca.TV no Facebook e receba notícias dos famosos

Estamos também no Google Plus + Curta nossa Pagina