Resumo de hoje da novela "A Terra Prometida" (15/02/2017)

A Terra Prometida A Terra Prometida (Foto: Reprodução)

Salmon é reconhecido por Mireu quando o cananeu caminha pelas ruas de Jerusalém. O hebreu deve ser preso, ordena o oficial. A correr começa Salmon. Quemuel expulsa Tobias de casa quando ele assume a culpa de ter forjado a falsa traição de Yana. Salmon é alcançado por Mireu. De dizer que não achou o vestido bonito, fica sem jeito Tirda. Para o palácio, Salmon é levado por decisão de Úrsula. O amigo foi descoberto, fica sabendo Otniel. Para morar na ferraria de Setur (Caetano O'Maihlan), Tobias pede. Errou na criação do filho, diz Quemuel. Com a filha, Adonizedeque se reencontra. O hebreu capturado é mostrado pela princesa. De Boaz, Raabe cuida. Sobre Ula, Úrsula diz que descobriu algo. O plano ainda está de pé, avisa Samara ao encontrar Tobias. Nas masmorras, Mireu e Salmon conversam. Ula é uma assassina, invente Úrsula. Preocupado fica Adonizedeque. As estatuetas que eram de Racal são cultuadas por Mara, escondida. Ula é uma assassina, diz Adonizedeque, ordenando Abul a trazer imediatamente a ex-rainha. Josué proibiu os hebreus de saírem dos limites do acampamento, comenta com outras mulheres Léia. Os homens devem vigiar e proteger suas mulheres, avisa que pedirá Josué. Sobre o paradeiro de Salmon, Otniel tenta saber informações. Para levar Ula, Abul chega até a taberna. Perante a Adonizedeque, Ula assume a culpa pela morte de Durgal (Roberto Frota).

Curta a fanpage do Fofoca.TV no Facebook e receba notícias dos famosos

Estamos também no Google Plus + Curta nossa Pagina

Mais lidas

    Publicidade