Anitta critica motorista de aplicativo após comparação por 'short tipo Anitta'

AnittaAnitta (Foto: Reprodução da Internet)

Uma jovem, de 17 anos de idade, gravou e divulgou  em suas redes sociais um vídeo sendo assediada por um motorista de aplicativo durante corrida. O caso viralizou na web e muitas pessoas ficaram indignadas com a falta de respeito do cidadão.

Ao prestar depoimento em uma delegacia para falar sobre o caso, o motorista deu uma entrevista para uma emissora de televisão para se justificar e acabou se atrapalhando ainda mais. Ele disse que a jovem estava com um “short tipo Anitta, com uma mini blusa e as pernas abertas no banco, me chamando atenção”, com isso, a repercussão tomou uma proporção ainda maior e a cantora Anitta não deixou barato e foi para as redes sociais expressar a sua indignação e dar apoio tanto para a jovem que sofreu o assédio, quanto para as demais mulheres que passam por esse tipo de situação todos os dias.

Em seu perfil no Twitter, a poderosa soltou e verbo e disse: “Acabei de receber este vídeo onde o motorista que assediou uma passageira menor de idade tenta justificar o injustificável (seu assédio) dizendo que a menina estava usando um short ‘tipo Anitta’ e sentada numa posição favorável ao assédio. NADA justifica um assédio. A forma de se vestir, sentar, falar etc não significa qualquer autorização ou pedido ou convite a ser assediada e/ou invadida, abusada, estuprada etc. Quanto à menina estar usando um short ‘tipo Anitta’, pra mim significa que ela é independente, não tem medo de ser quem ela quer e, acima de tudo, bem inteligente pra denunciar e expor um assediador para que outras meninas não passem pelo mesmo que ela”, escreveu a cantora.

 

Curta a fanpage no Facebook e Siga-nos no Instagram!