Diretor do SBT defende Silvio Santos de acusação de racismo

Fernando PelegioFernando Pelegio (Foto: google)

Diretor Artístico do SBT, Fernando Pelegio reagiu após inúmeros ataques contra o patrão Silvio Santos virem à tona. Tudo começou após a polêmica envolvendo o programa do último domingo. Ele reclamou das acusações e surpreendeu ao culpar o ex-presidente Lula.

A atitude do dono da emissora, considerada racista e machista na internet, fez Fernando vir a público. “Saco cheio dessa patrulha praguejando ódio sobre o Silvio Santos”, declarou Pelegio.

“Não assistem o programa, não entendem as piadas (ou fazem questão de interpretar com viés), querem ser descolados e acabam falando o que não entendem. Ódio pelo ódio”.

O profissional da TV afirmou que o ódio começou por causa no governo Lula. 

“Foi disseminando ódio sobre empresário, criando luta de classes, que o Lula foi eleito e nos levou a essa década pedida. Ódio não leva a nada. Já caímos nessa num passado recente”, apontou.

Um internauta, surpreso com as declarações do diretor, reagiu: “Mas jura que você vai botar ainda mais fogo neste assunto? E colocar política no meio também?”. Pelegio, então, apagou o post: “Tem razão. Já apaguei”.

“Acho mais sensato”, avaliou o seguidor. “Calor do momento”, explicou o funcionário do SBT. O RD1, porém, conseguiu os prints da conversa.

Curta a fanpage no Facebook e Siga-nos no Instagram!