Eleição de Fogaça como síndico de prédio tem confusão com polícia

FogaçaFogaça (Foto: Google)

A eleição de Henrique Fogaça como novo síndico do condomínio Baronesa de Arary, na Avenida Paulista, revê muita confusão e até polícia no local. A reunião aconteceu após determinação da Justiça. Moradores do prédio enfrentaram longa fila para ter as procurações checadas e, em seguida, houve acusação de fraude.

Um homem, identificado como Otávio, representante da empresa responsável pela gestão do condomínio, determinou o cancelamento da reunião e foi registrar boletim de ocorrência após bate-boca e empurrões no local. A polícia foi chamada até o local para contornar a situação.

“Mais uma vez querem fazer aos moldes deles. Temos várias provas de procurações falsas, descumpriram a ordem judicial e aí deu esse barraco todo”, disse Fogaça.

“O delegado vai abrir inquérito e eles vão responder cível e criminalmente”, disse a esposa do chef, Carine Ludvic.

Fogaça foi eleito síndico por unanimidade após mais de três horas de confusão. Um novo subsíndico e 7 conselheiros. A ADTEC foi procurada pelo UOL, mas não quis comentar o assunto. No ano passado, Fogaça apontou desvio de R$ 176 mil das contas do prédio e a eleição do novo síndico foi interrompida.

Curta a fanpage no Facebook e Siga-nos no Instagram!