Modelo acusa Felipe Titto de racismo

Felipe TittoFelipe Titto (Foto: Reprodução da Internet)

Felipe Titto acabou gerando repercussão por um motivo ruim.

O ator foi acusado de racismo pelo modelo e criador de conteúdo Matheus Pasquarelli. A exposição do caso foi desencadeada pela polêmica envolvendo o ex-diretor de TV da Band, Rodrigo Branco, que nesta semana fez declarações pejorativas sobre Maju Coutinho e Thelma Assis.

Na rede social, o jovem publicou um vídeo em que Titto aparece fazendo piadas sobre seu cabelo e desabafou sobre o caso.

 “Vendo esse caso da Ju de Paulla e eu realmente entendo. E ainda ver as pessoas culpando a vítima, sendo que a responsabilidade não é nossa”, iniciou.

“Nesse dia eu realmente não ouvi o que o Felipe Titto estava falando nos seus Stories. Ele só tinha pedido o meu @ do Instagram e depois quando eu abri o stories mencionados ele estava sendo racista, e os meus seguidores começaram a me mandar, e eu me senti muito mal com a situação, porque estava fazendo um job aquele dia, e às vezes o racismo chega de uma forma que a gente fica sem reação”, prosseguiu.

“Pura pressão psicológica em cima de nós, logo em seguida fui falar com ele, desgastado psicologicamente, e aquele mesmo discurso de sempre, e querendo tirar a gente como maluco, dizendo que era coisa da minha cabeça, que ele tinha cabelo crespo, e sabia do que estava falando”, disse ainda.

Matheus completou o relato falando sobre o quão mal se sentiu após o ocorrido: “Sempre fiquei meio assim de falar sobre, sem coragem nenhuma, no caso dela, imagino como deve ser ter sido pesado… Mas enfim, às vezes essas situações pega a gente de surpresa, e a gente parece que sempre tem que estar preparado mesmo”.

“Eu tenho esse vídeo até hoje, e só eu sei como é f*da assimilar ainda mais o cabelo crespo 4C dessa forma, me senti muito mal. Mas é isso, temos que falar sobre isso!”, finalizou.

Curta a fanpage no Facebook e Siga-nos no Instagram!