Record demite funcionário que chamou Sabrina de “macaca”

Sabrina PaivaSabrina Paiva (Foto: google)

A RecordTV anunciou a demissão do operador de câmera que cometeu o crime de racismo contra Sabrina Paiva, depois da exibição ao vivo de “A Fazenda”.

Por meio de comunicado oficial, a emissora afirmou que o responsável foi repreendido e mandado embora.

O funcionário, durante conversa dos peões na sala da “Fazenda”, disparou: “Macaca, senta aí”.

O áudio vazou para os confinados e a ex-Miss São Paulo deixou claro ter entendido perfeitamente o que havia sido dito. Na ocasião, ela era a única em pé.

Na web, os fãs do programa se indignaram e criaram até uma hashtag em favor da jovem: #SabrinaMereceRespeito. A família da moça também se pronunciou e exigiu um posicionamento do canal paulista logo após o ocorrido.

Curta a fanpage no Facebook e Siga-nos no Instagram!